IDACOR   23984
INSTITUTO DE ANTROPOLOGIA DE CORDOBA
Unidad Ejecutora - UE
artículos
Título:
Todos temos um retrato: indivíduo, fotografia e memória no contexto do desaparecimento de pessoas
Autor/es:
DA SILVA CATELA LUDMILA
Revista:
TOPOI
Editorial:
Programa de Pos Graduacao em Historia social da UFRJ
Referencias:
Lugar: Rio de Janeiro; Año: 2012 vol. 13 p. 113 - 113
ISSN:
1518-3319
Resumen:
Como na construção de um origami, as imagens que representam o desaparecimento de pessoas na Argentina e a ação terrorista do Estado durante os anos 1970 dobram-se e redobram-se repetidamente, até compor uma nova figura. Essas dobraduras, como os papéis coloridos que são dobrados, têm a ver com as descobertas, as manipulações, a circulação e os usos de fotos que se propõem como representação da situação-limite do desaparecimento. Este texto percorrerá quatro cenas de análise sobre as modificações que as imagens sofrem a partir dos contextos de enunciação utilizados. O uso público da imagem do desaparecido como denúncia, a fotografia na esfera doméstica para diferenciar sua morte de outras, o uso do retrato do filho desaparecido sobre o corpo das Mães da Plaza de Maio e, finalmente, a circulação dos retratos fotográficos em instituições de memória, como museus e arquivos.
rds']