INVESTIGADORES
PREVOSTI Francisco Juan
congresos y reuniones científicas
Título:
ANÁLISE ECOMORFOLÓGICA DE PROTOCYON TROGLODYTES (LUNA, 1838) (CARNIVORA: CANIDAE) UTILIZANDO MORFOMETRIA GEOMÉTRICA TRIDIMENSIONAL
Autor/es:
GARCIA, G. R., HINGST-ZAHER, E. Y PREVOSTI, F. J.
Lugar:
Gramado, Brasil
Reunión:
Congreso; I Congreso Sudamericano de Mastozoología, Resumos; 2006
Resumen:
Protocyon troglodytes é uma das espécies de canídeos extintos que habitavam a América do Sul durante o Pleistoceno, com ocorrências na Argentina, Brasil, Bolívia, Equador e Venezuela. Estudos baseados en caracteres qualitativos e índices craniodentários sugerem que P. troglodytes era um canídeo hipercarnívoro que predava mamíferos de porte médio a grande, porém até o momento estes resultados não foram contrastados com métodos multivariados. Para pôr a prova esta hipótese realizamos uma análise de morfometria geométrica, utilizando como base os crânios de canídeos viventes. Foram tomadas coordenadas em três dimensões do hemicrânio direito de um exemplar do canídeo fóssil, bem como de 67 hemicrânios de canídeos viventes. As coordendas foram então submetidas a uma superposição de Procrustes (GPA); a decomposição da forma, através de deformações parciais e relativas, foi utilizada em ordenações e análises estatísticas multivariadas. A ordenação dos exemplares através dos escores nos eixos de deformações relativas sugere a existência de agrupamentos de espécies segundo o tipo de dieta. Uma análise de variáveis canônicas sobre as deformações relativas, utilizando três grupos a priori (hipercarívoros, mesocarnívoros e onívoros), mostrou que existem diferenças significativas entre os grupos quanto à forma do crânio. A análise permitiu separar o grupo de canídeos hipercarnívoros, porém mostrou uma certa superposição entre onívoros e mesocarnívoros. P. troglodytes se posiciona dentro do grupo dos hipercarnívoros, corroborando os resultados encontrados por outros autores.  
rds']